Opiniões, Temas de Reflexão...Textos, Mensagens e Afins...
Quinta-feira, 23 de Junho de 2005
A Insustentável Leveza de Ser Mulher

globo_mulher.gif A mulher é o único ser da criação, que abriga dentro de si, um templo. Só ela sabe ser Deusa e ser Santa, ser Rainha e ser Mulher. Ser forte quando precisa, e ser frágil quando quer. Mulher que gera vidas, e cria a humanidade. Que sabe ser estrela, e sabe ser saudade. Só ela sabe ser mulher e ser menina, ser sedutora e ser seduzida. Ela é Luz quando brilha, é paz quando acalma e tranqüiliza. Ela é música quando é alegria, é ritmo vibrante quando improvisa. Ela é tempestade quando chora, ou um Vulcão quando Ama. Ela sofre discriminação, é incompreendida, mas sabe superar. Sofre preconceitos, tem lá os seus defeitos, mas sabe perdoar. É mulher e é amante, é companheira e é guerreira. Ela pode até perder a luta, mas nunca perde os seus ideais... Ela pode até perder os seus amores, mas nunca desiste de sonhar. É feminina, sensível, amável, sem perder a força. Ela é ternura quando envolve, é segredo quando encanta. Assim como a lua, ela tem as suas fases, todas imprevisíveis, todas incomunicáveis. A mulher é o maior de todos os mistérios, que alguns Homens ainda não conseguiram desvendar.


Texto de Lisiê Silva.


Carla Giovana         



publicado por CACAfonso às 03:06
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De Anónimo a 23 de Junho de 2005 às 18:38
Sem dúvida lindo texto vai um pouco ao encontro de uma frase de Raul Brandão "as mulheres estão mais perto de Deus e da natureza".....AbraçosAurora
(http://amareivida.blogs.sapo.pt)
(mailto:ansboa@mail.com)


De Anónimo a 23 de Junho de 2005 às 17:52
Um verdadeiro Hino á Mulher, este texto, Carla! E tenho que concordar que quanto mais as conheço, menos as entendo!!! LOL!!!...Beijos...Carlos.Carlos Afonso
</a>
(mailto:carlosacafonso@hotmail.com)


De Anónimo a 23 de Junho de 2005 às 13:59
"Mulher, minha alvorada, tu és o vento que tarda, por ti pouso o cansaço, na verdade de um poema, a mentira de um abraço, o teu leito é o meu regaço..eu quero em ti pousar" Carlos do Carmo, no albúm "Tempo" de Pedro Abrunhosa..beijosfilipa
(http://vidamarela.blogs.sapo.pt)
(mailto:filipa.patricio@iol.pt)


De Anónimo a 23 de Junho de 2005 às 10:29
"Santo António já se acabou
São Pedro está-se a acabar
São João São João São João
Dá cá um balão para eu brincar"_Bom São João! ;-)Neco
(http://www.imgay.blogs.sapo.pt)
(mailto:ccbaixinho@hotmail.com)


De Anónimo a 23 de Junho de 2005 às 09:32
Texto interessante para o dia da mulher...PDivulg
(http://lacosazuis.blogs.sapo.pt)
(mailto:pdivulg@sapo.pt)


Comentar post